quarta-feira, 15 de maio de 2013

Itaquera será a abertura da Copa no Brasil e não falamos mais disso

Tanto se falou essa semana sobre o impasse da FIFA com o Corinthians para data de entrega da Arena Corinthians que algo ficou no ar. Quem foi que disse que a Arena em Itaquera está atrasada?
A imprensa e principalmente a Rede Globo em seus telejornais replicam a todo momento que o problema "seria o atraso nas obras do estádio" e assim o clube queria entregar somente em fevereiro por esse motivo.
Informação errada, a Arena nunca esteve com suas obras atrasadas, pelo contrario, está em bom andamento e será entregue em dezembro desse ano.
Mas o senhor secretario-geral da FIFA, Jérôme Valcke, que parece que gosta de polemicas, fez uma declaração infeliz, utilizando informações desencontradas da imprensa, que no meu entender, quis tirar do foco problemas dos estádios que serão sedes na Copa das Confederações, deveriam estar totalmente prontos e ainda se encontram com obras em andamento.Já o Corinthians em nota oficial, aqueceu ainda mais o clima devolvendo na mesma medida, esclarecendo que mesmo sendo o estádio que iniciou suas obras 1 ano depois dos demais estádios, está com 76% das obras concluídas, mesmo enfrentando problemas burocráticos com o financiamento junto ao BNDS.



Tudo resolvido.


Na tarde dessa quarta-feira, uma reunião de emergência com representantes do Comitê Organizado Local, Fifa, Corinthians e Odebrecht encerrou a polêmica sobre a sede da abertura da Copa do Mundo de 2014. A construtora e o clube garantiram a entrega do estádio no dia 31 de dezembro deste ano, o que mantém São Paulo como palco da partida inaugural.Junto com Ronaldo e o Secretario-Geral da FIFA, Benedicto Junior (presidente da Odebrecht) e Andrés Sanches (ex-presidente do Corinthians e responsável pela obra da arena) fizeram uma reunião na sede do comitê, no Rio de Janeiro, para resolver a questão. Na ocasião Valcke confirmou a importância da cidade de São Paulo para realização da Copa 2014:"Estou muito satisfeito pelo fato de termos conseguido reunir tão rapidamente todos os envolvidos. É melhor conversar cara a cara do que através da imprensa. São Paulo é um exemplo para todas as outras cidades da Copa do Mundo. Ela é uma liderança e está mostrando o caminho. E onde está organizando congressos e é a cidade que vai receber o jogo de abertura. Então concordamos que em dezembro de 2013 o estádio precisa estar concluído. É claro que pode acontecer de ter ainda algum trabalho no entorno do estádio para serem concluídos em janeiro ou fevereiro. Mas a estrutura do estádio, o que precisamos pronto para a Copa do Mundo, estará pronto em dezembro - disse Valcke .


"Todos temos o mesmo objetivo, realizar com sucesso a Copa 2014, e o estádio em Itaquera é um elemento-chave de desenvolvimento daquela região", completou o secretário-geral da Fifa.


Fonte: Terra


quinta-feira, 2 de maio de 2013

Telão de LED da Arena Corinthians é aprovado em teste noturno.


Jå foi instalado os primeiro modolos para testes do painel de LED na Arena Corinthians. Ainda em fase inicial de montagem, o telão teve apenas uma pequena parte de suas placas de vidro já instaladas. O equipamento completo contará com 170 metros de largura por 20 metros de altura e é considerado uma das grandes atrações da arena que sediará o primeiro jogo da Copa do Mundo de 2014.
Segundo a construtora Odebrecht, as obras do novo estádio do Corinthians já tiveram 70,12% de avanço. Os operários acabaram de assentar o sexto módulo da cobertura metálica do prédio oeste, maior e mais complexo do projeto, e foram iniciados os acabamentos de banheiros, lojas e camarotes. Ao todo, 1.410 funcionários trabalham no canteiro.




Maquete do “Projeto Itaquera 2014”

Confira: Conheça Projeto Itaquera 2014

Arquibancadas provisórias da Arena Corinthians será instalada com dinheiro privado.


O Governo de São Paulo convidou empresas para investir na instalação das arquibancadas provisorias na Arena Corinthians, em Itaquera. O objetivo é não utilizar dinheiro publico para esse fim. De forma inteligente e cooperada, o Governo do Estado, o Clube e a construtora, encontra uma forma para atender a exigencia da FIFA de ampliar a capacidade do estádio de abertura da Copa do Mundo.

O governador de São Paulo diz que dinheiro público não será necessário na montagem. Segundo Alckimin, a Ambeb será a responsável pelo processo de captação de patrocínios para instalação da arquibancadas provisórias da Arena, com um custo estimado de R$ 35 milhões para montagem, manutenção e desmontagem dos 20 mil assentos. A construção será feita pela Odebrecht.
Segundo o vice-presidnte de Relações Corporativas da Ambev, as empresas que se interessarem em colocar recursos para a construção da arquibancada provisória terão o direito de anunciar na estrutura até a Copa do Mundo 2014, quando os direitos de publicidade passarão à Fifa.  
De acordo com Alckmin, é firmado assim, o objetivo de fazer todos os esforços para que não inserir dinheiro público na montagem das arquibancadas provisórias, os recursos públicos serão destinados para as obras de infraestrutura no entorno da Arena. "Obras de acessibilidade e viárias, investimentos na Linha 11 da CPTM e na Linha 3 do Metrô, todas estão andando dentro do cronograma e serão definitivas para a população da cidade", detalhou Geraldo Alckmin.